O MEDO DA SOLIDÃO PROVOCA A SOLIDÃO..., por Augusto Lira

(3 comentários)

O site do Correio Ibiapaba estreia hoje a Coluna Arte Literária, com Augusto Lira. A coluna será publicada sempre aos sábados. Lira trará textos de reflexão e de opinião sobre as situações do cotidiano. O primeiro texto é sobre solidão, o que é estar sozinho e a relação com a solidão

O medo da solidão provoca a solidão...

Ao adentrar as profundezas do ser, podemos nos questionar se de fato podemos e devemos estar sozinhos, e afinal estar sozinho é ser sozinho? A solidão é na verdade o estado individual ao qual a pessoa humana se encontra afastada dos outros seres de sua espécie ou será somente um estado de espírito provocado pelo esvaziamento de si mesmo?

As respostas desses questionamentos estão na percepção interior de mundo de cada um. No entanto, diferentemente daquilo que muitos imaginam estar só é tão fascinante quanto contemplar o por do sol, vendo, percebendo e sentindo a grandeza de si mesmo, mentalizando seu “ser” como o sol, iluminado, cheio de força e capaz de iluminar a outros, mas que deve repousar sozinho no tempo propício e deixar seu céu estrelado nos próprios pensamentos, proporcionando assim um auto-conhecimento, tão necessário para o crescimento, desenvolvimento e evolução de si mesmo.

Estar só é refletir e meditar com a alma, com o seu “eu” imerso em um mundo repleto de desafios, medos, angústias, provações e tribulações. Somente o isolamento é capaz de mudar alguém. Afastar-se de algo ou de alguém em determinadas situações e momentos é mais do que necessário, é essencial. Porém, a convivência rotineira com os demais indivíduos faz com que a pessoa humana perca esse senso, tornando-se assim dependente do outro e buscando nele aquilo que falta em si ou até mesmo idealizando-o como sendo a sua própria felicidade, fato esse que torna o ser vazio e sozinho quando este não tem ao seu entorno aquele/ aqueles que se queria ter.

Então, definitivamente o medo da solidão, o medo de ser e ficar sozinho torna os indivíduos cada vez mais solitários de si mesmos, cada vez mais deprimidos internamente, buscando as respostas para a falta de algo, perdidos em um caminho conflituoso do seu próprio ser, interrogando-se sobre as razões pelas quais levam a sensação de vazio. E todo esse vazio só será preenchido quando perceber que aquilo que falta em si é tão somente encontrar-se consigo mesmo.

Avaliação atual: 5

Comentários

Kleyla lira da silva 1 mês atrás

Belissimo texto Augusto 👏👏👏

Link | Responder
Atualmente não avaliado

Ádria Dheme 1 mês atrás

Palavras muito bem colocadas Augusto. Com certeza que está rodeados de pessoas não significa está com aquelas pessoas, já que se você não está com você mesmo não pode está com as outras pessoas. É clichê, mas ter amor próprio é muito importante, amar-se, respeitar-se, viver para si, acima de todas as pessoas você em primeiro lugar para você mesma.

Link | Responder
Atualmente não avaliado

Gabriel 1 mês atrás

❤❤

Link | Responder
Atualmente não avaliado

Novo Comentário

obrigatório

obrigatório (não publicado)

opcional

Arquivo

2020
2019
2018
2016
2014
2013
2012
2011
2010
2009