Inovação e sustentabilidade em pauta na Praia do Cumbuco

(0 comentário)

Mais que fortes ventos, a previsão deste sábado e domingo no Cumbuco é de ares ricos para debater sobre inovação, sustentabilidade e tecnologia nos negócios no evento Winds For Future Summit. O objetivo é mostrar durante toda a programação alternativas de tecnologias que possam acelerar ou ajudar a criar novos produtos para as empresas de maneira sustentável. "A intenção é que todas as empresas locais e mundiais possam estar associando cada vez mais na sua filosofia o impacto social e sustentável das suas ações e dos seus produtos", diz Igor Ary Juaçaba, CEO do evento.

A expectativa é reunir visionários de diferentes idades, todos os que querem se reinventar no trabalho. "São pessoas que pensam em um mundo melhor, são empreendedores que gostam muito mais que visar o lucro. Pensam no impacto positivo de suas ações e dos projetos que participam. São pessoas que têm um propósito de viver, e que está muito mais dissociado a dinheiro e principalmente aliado a propósitos", afirma.

Palestras

Mais de 40 palestrantes estão confirmados nos dois dias de programação. Entre eles estão Igr Queiroz Barroso, diretor de Relações Institucionais do Grupo Edson Queiroz, e Élcio Batista, secretário-chefe da Casa Civil do Governo do Ceará, que debatem no painel "O futuro da educação". Ainda no primeiro dia, Ari de Sá Neto, CEO da Arco Educação, fará uma palestra sobre educação de excelência e tecnologia.

Arte Winds For Future

O fim de semana conta ainda com outras discussões, passando pelos temas de saúde, inovação e ecossistemas, futurismo, estilo de vida, impacto social e dinheiro, sempre com o viés da inovação e sustentabilidade. "São temas do momento que cada vez mais as empresas que têm sucesso vêm abraçando e colocando como meta principal dos seus negócios", destaca Igor Juaçaba.

Recorde

No domingo, além dos painéis e das palestras previstas envolvendo criptomoedas e investimentos aliados à responsabilidade social, o evento irá promover um desfile às 13h para quebrar o recorde mundial do Guinness Book. A expectativa era reunir 500 velejadores para trazer o recorde à Praia do Cumbuco, batendo o número de 423 pessoas no sul da Inglaterra. Mas, a previsão aumentou. Já são cerca de 800 cadastrados para o recorde.

"É um ritual no evento para chamar atenção aos danos ambientais nas praias e nos oceanos. Este é um objetivo. O outro é vender um estilo de vida do velejo do Ceará, o qual está muito mais associado à inovação, essa troca de estilo de diversão, praia, negócio e trabalho", pontua.

Próxima edição

Mais de dois mil participantes estão previstos para comparecer nos dois dias de programação. Quem não puder participar neste ano, a próxima edição já está confirmada e promete dar seguimento ao alto nível de palestrantes deste ano. "O evento já tem os próximos três anos garantidos. Este primeiro ano é a primeira grande edição, porém a gente espera triplicar o número de pessoas ano que vem", ressalta.

Atualmente não avaliado

Comentários

Não há comentários no momento.

Novo Comentário

obrigatório

obrigatório (não publicado)

opcional

Arquivo

2019
2018
2016
2014
2013
2012
2011
2010
2009