Notícias

Vendo posts da categoria Direitos Humanos

Diário recebe Prêmio Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos em cerimônia em São Paulo

A 41° Edição do Prêmio Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos foi entregue ao Diario do Nordeste, na última quinta-feira (24), em São Paulo. É a primeira vez que um veículo cearense vence a mais tradicional premiação do jornalismo brasileiro. O jornalista Melquiades Júnior (à esquerda da foto) recebeu o prêmio vencedor da categoria texto pela reportagem “Matança da PM em Milagres e a invenção da resistência”.

A fotojornalista Fabiane de Paula foi agraciada com menção honrosa na categoria fotografia. A cerimônia aconteceu no Teatro Tucarena com a presença de vários jornalistas e instituições defensoras dos direitos humanos e homenagem especial aos jornalistas Patrícia Campos Melo e Glenn Greenwald.

Campanha Maio Laranja conscientiza a população sobre a prevenção e o combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes

A deputada Aderlânia Noronha (SD) destacou, durante ordem do dia realizada ontem (15) na Assembleia Legislativa, a importância da Campanha Maio Laranja, uma iniciativa da parlamentar, lançada no Ceará este mês. A Lei 16.673 estabelece que, anualmente, o Estado promova atividades, para conscientizar, prevenir e combater o abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes.

Senado aprova PL que protege mulheres vítimas de violência doméstica

O Senado aprovou na noite de ontem (9) um projeto de lei (PL) que autoriza que autoridades policiais possam determinar a aplicação de medidas protetivas a mulheres vítimas de agressão no contexto da Lei Maria da Penha. O texto segue para sanção presidencial. 

12 presos encarcerados no Ceará garantem vaga no Ensino Superior

Muito se fala em educar para transformar a Nação. A Constituição prevê que a educação é "direito de todos e dever do Estado e da família", devendo ser promovida e incentivada com a colaboração da sociedade. Com a garantia da premissa básica e acreditando que o futuro depende diretamente das ações tomadas em prol de si mesmo para que o passado não volte a ser realidade, presos do Ceará optaram por uma rotina diferente dentro das unidades prisionais.

Lei que torna racismo crime completa 30 anos, mas ainda há muito a se fazer

Havia o tempo em que os negros eram livres. Então surgiu a escravidão. Depois veio a liberdade. Mas aí brotou o preconceito. Surgiu, assim, um tempo em que discriminar as pessoas por causa da cor da pele era socialmente aceito e, aos olhos da Justiça, apenas uma contravenção penal. Para tentar pôr um fim a isso, há exatos 30 anos, surgiu a Lei de nº 7.716, que define os crimes de racismo.                 

Arquivo

2019
2018
2016
2014
2013
2012
2011
2010
2009