95ª do Jornal Correio Ibiapaba

(0 comentário)

Editorial da 95ª edição do Jornal Correio Ibiapaba

Gratidão

O que escrever no último editorial do Jornal Correio Ibiapaba? Essa pergunta sempre existiu em todas as edições. Confesso que nas noventa e quatro anteriores a resposta foi mais fácil do que nesta.

É um sentimento de missão cumprida e, ao mesmo tempo, de saudade.

Sentirei falta dessa rotina mensal de notícias, de participar de eventos, de conhecer pessoas, reencontrar amigos nas subidas e descidas da Serra.

Por falar em andanças, andei pelas nove cidades, mas as idas à cidade de Ipu eram muito especiais. Por incrível que pareça, grandes idéias de reportagens surgiram no descer da ladeira e no olhar para os paredões. Fora a receptividade que o jornal tinha na Terra de Iracema.

Claro, que nas demais cidades, nós sempre fomos bem recebidos e, eu, como editor, criei grandes vínculos, fiz amizades e o CI cumpriu o seu papel na história.

Então, decidi o que escrever nesta última edição: gratidão!

Utilizo esta palavra que me lembra o Mestre Pena, de Guaraciaba do Norte, um dos grandes entusiastas do jornal ao longo desses oito anos.

Muito obrigado, Ibiapaba! Obrigado mesmo pelo carinho, pela credibilidade, pelo respeito e por terem acreditado nesse projeto editorial.

O Correio Ibiapaba buscou ao longo desses anos ser um jornal leve, com boas notícias e de enaltecimento da nossa Ibiapaba. Espero que a gente tenha realizado isso com esmero.

Aos ledores e às ledoras, aos assinantes, aos anunciantes, meu muito obrigado, por terem investido seus recursos que contribuíram para a manutenção do jornal.

Encerramos o ciclo da edição impressa, passaremos um tempo on line e atendendo aos colecionadores.

Eu sentirei muita falta disso tudo, mas no que depender de mim, a Serra continuará sendo notícia!

Atualmente não avaliado

Comentários

Não há comentários no momento.

Novo Comentário

obrigatório

obrigatório (não publicado)

opcional

Arquivo

2019
2018
2016
2014
2013
2012
2011
2010
2009